Minha lista de blogs

domingo, 11 de junho de 2017

DIA DE CHUVA




DIA DE CHUVA 
Por Gabriel de Rialva. 
.
Chove, chove, sem parar...
As nuvens correm no céu, 
Estendendo sobre nós 
Um espesso e feio véu.
.
Silvos constantes do vento
Espantam os passarinhos, 
Que buscam espavoridos, 
O refúgio dos seus ninhos, 
.
Turvam-se as águas dos rios, 
Pelos morros surgem fontes, 
Que rolam, em cataratas, 
Pelas encostas dos montes.
.
Árvores de copa altiva, 
Gotejando sem cessar, 
Tem os galhos abatidos: 
Parecem até chorar!...
.
Enquanto, pelas esquinas, 
Mendigos tremem de frio, 
A tristeza envolve a Terra
Num grande manto sombrio...
.
Ó bondoso pai do céu,
Dai fim à nossa tristeza! 
Mandai, sem demora, o sol
Pra alegrar a Natureza!...
.
Pesquisa e postagem: Nicéas Romeo Zanchett 

Nenhum comentário:

Postar um comentário